Educação Ambiental

O Neafa também vem promovendo a conscientização em educação ambiental para as crianças e jovens de Maceió. Essa atividade faz parte das atribuições de extensão do trabalho desenvolvido pelo Núcleo.

Assim, voluntários visitam escolas de 1º e 2º graus, onde as crianças e adolescentes recebem informações sobre a importância da esterilização e da guarda responsável dos animais.

Também é apresentado vídeo educativo sobre os maus-tratos sofridos pelos animais em circos, contribuindo para a conscientização contra esse tipo de prática, que é inclusive proibida em alguns estados, como em Pernambuco, em que circos que utilizam animais em shows não podem se apresentar.

Além de descobrirem que Maceió dispõe de uma Ong voltada a atender acomunidade carente criadora de cães e gatos, as crianças e jovens atentaram para a necessidade de controlar a população desses animais bem como para a importância de vaciná-los. Entenderam que essas duas ações representam bem-estar para o animal e é responsabilidade de quem os cria.

O esclarecimento sobre para que serve o CCZ na cidade é recebido quasesempre como uma novidade, ficando constatado, no entanto, que jovens eadultos simplesmente não sabem quais as obrigações desse órgão de tamanha importância para a sociedade. Esse desconhecimento é um dos motivos desse trabalho de conscientização, para que as pessoas se encorajem e possam cobrar do poder público.

Todas as informações passadas são embasadas nas leis: 9795/99 Lei Federal de Educação Ambiental, Lei 9605/98 Lei Federal de crimes ambientais e Lei5318/03 Lei municipal que explica as obrigações do Centro de Controle de Zoonoses.  Assim, é chamada a atenção dos jovens sobre assuntos que começam a ser discutidos nas escolas, face a relevância da questão ambiental nos dias de hoje.